A virtude de tentar outra vez



nao-desista-resista

Não queremos dizer que aqueles que não fazem células não estão agradando a Deus, ou que estão em pecado e desobediência. Queremos apenas dizer que se você tem consciência do que é o padrão bíblico de cuidado das ovelhas e propagação das Boas Novas, mas age de maneira diferente ou oposta a esse modelo, então você não está sendo autêntico no seu trabalho. É claro que Deus pode usar qualquer método eticamente cristão para que Sua obra cresça, pois é Ele quem dá crescimento à Sua igreja e abençoa o esforço sincero de Seus obreiros. Mas, por que fazer suco espremendo as frutas com as mãos, quando há espremedores e liquidificadores que podem fazer um suco mais rápido e mais eficiente, sem desperdiçar polpa e sem ferir os dedos? As células e o discipulado são como o liquidificador que potencializa e dá eficiência ao processo.

Talvez você já começou o que você decidiu chamar de células. Talvez você ficou frustrado porque não aconteceu aquilo que você esperava, ou não se repetiu na sua igreja aquilo que você viu na igreja do seu outro colega pastor, ou numa igreja grande que você visitou. Calma! Não pendure as chuteiras antes sequer de começar o jogo. Talvez suas células estejam caminhando devagarinho, marcando passos e você se questiona o que poderia estar errado. Se este é o seu caso, não entregue os pontos. Lembre-se, como disse o apóstolo Pedro, de que as mesmas aflições se cumprem entre os vossos irmãos pastores e líderes pelo mundo. Mas se você está interessado em repensar ou otimizar o atual ou futuro trabalho de células, preste atenção naquilo que consideramos as linhas básicas de “Uma igreja em células”.



Não podemos deixar de lado pressupostos básicos e insubstituíveis e esperar que os mesmos resultados aconteçam. As igrejas que crescem e mantêm esse crescimento com qualidade e manifestação plena da graça de Deus não andam assim por acaso.

Além dos métodos, modelos e expressão externa, o que mais há no coração dos líderes das igrejas que crescem? Que segredos se escondem por baixo da superfície? Para receber a medalha da Maratona Olímpica é preciso correr todos os 42 quilômetros e chegar na frente. Simples assim!

Extraído do Livro “Igreja em Ação: Desejos e Perspectivas” – Ivanildo Gomes, MDA Publicações, 2011.

3D Livro Igreja em Acao

 

Clique na imagem e conheça mais sobre o assunto