O discipulando com propóstio

papel-do-supervisor-aconselhamento-770x470 (1)“Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;”
Mateus 28:19
Introdução:
 O MDA é um modelo de discipulado que visa cumprir o propósito original de Cristo quando disse que deveríamos fazer discípulos. Significa transferência de vida, tanto na formação do caráter quanto na transferência da visão do trabalho em célula e discipulado.
Algumas responsabilidades de um discipulador: 
1. Gerar seus discípulos
Discípulos não são achados prontos, mas são gerados como filhos.
O Discipulador deve assumir a paternidade deles como se fossem filhos.
Alguns discípulos são adotados, por isso o Discipulador deve estar pronto para isso.
2. Integrar seus discípulos na vida da igreja
Nenhum discípulo deve ser deixado a deriva na igreja com um barco sem rumo.
O líder de célula e o discipulador devem integrá-lo com urgência na vida da igreja.
  • No discipulado
  • Na célula
  • No culto de celebração
  • No tadel
 3. Instruir seus discípulos no trilho de liderança
Mostrando sempre que todos nós fomos chamados para a tarefa da igreja.
Mostrando que o caráter deve ser construído e moldado ao caráter de Cristo.
Gerando neles uma expectativa positiva pela visão da igreja local.
Conclusão:
Existem muitas tarefas a serem desempenhadas pelos discipuladores na formação de seus próprios discípulos. Tudo o que Deus espera de nós é que cumpramos a nossa tarefa dada em (Mt. 28. 19)
Autor: Pr. Andre H T Ribeiro