O poder de escolha

O poder de escolha

Quando Deus criou o mundo, Ele fez muitos tipos diferentes de criaturas. Ele fez animais, peixes, e pássaros (Gênesis 1).

Porém, a maior criação de Deus foi o homem, que foi criado em Sua própria imagem. O homem é único entre todas as criaturas porque ele tem um corpo, alma e espírito. Ele foi criado para render culto a Deus e ter comunhão com o Deus vivo e verdadeiro (Gênesis 2 e 3).

O homem, pela criação, é o companheiro de um milagre operado pelo Pai, o Deus vivo e verdadeiro. O homem, dotado com o sopro de Deus e feito à Sua imagem, tem uma capacidade para o poder diferente de qualquer outro ser criado. A esfera da operação de milagres deve ser a esfera natural do homem.

O homem tem a mente mais poderosa e inteligente de todas as criaturas de Deus. O homem tem o poder da opção. O homem pode escolher fazer o bem e o mal. Ele pode escolher obedecer a Deus ou a Satanás.

A primeira tentação do homem por Satanás no jardim do Éden enfocou neste poder de escolha (Gênesis 3). Ao pecar, uma natureza básica de pecado passou de Adão e Eva a toda humanidade devido a uma escolha errada.

Extraído da apostila Princípios de poder & fé, do Sistema de Ensino MDA (SEMDA)
Adquira: contato@semda.emp.br | (85) 3476-1205

, Artigos

Artigos do seu Interesse