Quatro pensamentos errados sobre o discipulado

discipulado-mda-770x470O verdadeiro discipulado é aquele que nos conduz à sabedoria e ao crescimento espiritual.

Existem pensamentos que podem minar a essência do que é o discipulado e dificultar uma das grandes ferramentas para a maturidade cristã.

1. Discipulado não é para fofoca. Existe uma maneira adequada de tratar com a fofoca e o discipulado ajuda muito neste processo. Ele é nada mais que uma ajuda para saber como a pessoa está.

2. Discipulado não é gerar crentes “chupetinhas”. Esse crente é o que age como um bebê e nunca cresce. É alguém que só quer receber, mas não tem nada a oferecer. A todo momento se aborrece com o discipulador porque na verdade quer chamar atenção.

3. Discipulado não é para se ausentar. O discípulo deve procurar sempre estar perto para aprender com a sua liderança. Sempre que possível ligar ou mandar mensagens a fim de que o discipulador saiba como a pessoa se encontra.

4. Discipulado remove a lei da responsabilidade pessoal. O discipulador não é responsável pelas decisões erradas do discípulo e por isso não deve se sentir culpado pelos erros cometidos pelo discípulo.

Natasha Carvalho – com ideias do pastor Luís Almeida
Fonte: www.revistamda.com

, Artigos

Artigos do seu Interesse