Relação entre perdão e contribuições

Heart.O perdão também é essencial para quem quer ofertar a Deus. Nós não podemos comprar a Deus. O fato de sermos dizimistas também não garante tolerância para com os nossos erros. Grandes ofertas não impressionam a Deus, se o nosso coração não demonstra grandes atitudes! Não adianta nada, se não tivermos o coração cheio de perdão. Vejamos o que diz Jesus sobre isto: “Portanto, se trouxeres a tua oferta ao altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai reconciliar-te primeiro com teu irmão e, depois, vem a apresenta a tua oferta” (Mateus 5.23,24).

Então, se você quer realmente viver uma vida de oferta, de amor, de sacrifício que agrada a Deus, tem que viver uma vida de perdão. Esta é uma questão de bom senso. Se você guardar mágoa no seu coração, você vai acabar prisioneiro daquela pessoa contra quem você está nutrindo aquela mágoa. Eu gostei muito de uma ilustração que eu ouvi minha esposa dar. Ela falou assim: “É interessante um ditado popular que diz que não perdoar alguém é como tomar um copo de veneno e torcer para que a outra pessoa morra”. Quando você não perdoa, é como se você fosse aquela pessoa que toma o veneno; quando você não perdoa, a pessoa mais prejudicada, acima de tudo, é você mesmo.

Quando você não perdoa, é como se você estivesse vivendo numa clausura, você passa a viver numa prisão feita pela sua própria falta de perdão, porque essa pessoa que você não está perdoando vai controlar a sua mente e suas emoções 24 horas por dia. Você chega cansado em casa, mas quando você vai se deitar para descansar, ela vai se deitar junto com você, e vai perturbar o seu sono. Quando você se senta para comer, aquela pessoa vai sentar junto com você, e você vai perder seu apetite. Você viaja de férias, e ela vai pegar carona com você e estragar suas férias, porque você fica o tempo todo pensando, magoado e machucado. Quem está sendo vitimado é você, doente pela sua falta de perdão. A única maneira de você se ver livre dessa prisão é perdoar, soltar qualquer amarra que lhe prende a determinada pessoa ou circunstância.

3D Amor - O Caminho Mais Excelente
Extraído do Livro “Amor: O caminho mais excelente” – Abe Huber, MDA Publicações, 2013.

Se você desejar saber mais sobre o assunto, clique na imagem e adquira nossos produtos.

, Artigos

Artigos do seu Interesse