Série: Submissão ao discipulado (Parte 1)

amigasTer um bom relacionamento com o seu discipulador faz toda diferença, nessa série abordaremos alguns pontos que tornarão o seu discipulado mais eficaz:

“Disse-lhe Jesus: Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens e dá aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, e segue-me” (Mt 19:21).

A segunda atitude que nos será pedida é um posicionamento, uma decisão de submissão ao discipulador. Do que será mesmo esse posicionamento? Em muitas situações em que a minha opinião se choca com a do discipulador, decido sempre ouvir a voz dele. Existem muitos crentes que dizem esperar um tratamento de Deus diretamente com eles, mas não querem ouvir o homem. Deus tem de vir do céu e tratar com eles, pois   o seu pastor é Jesus. “Certamente o Senhor não fará coisa alguma sem primeiro revelar os seus segredos aos servos, os profetas”(Amós 3.7). Deus honra a liderança constituída por Ele.

Não existe melhor forma de Deus tratar conosco que através da liderança constituída. Não existe outro canal melhor, não existe melhor alternativa. Antes de Deus falar com o povo, Deus falará primeiro com a liderança que Ele mesmo estabeleceu. Este é o preço, o custo que todo homem e toda mulher de Deus  deve pagar. As pessoas que não vivem isso têm sérios problemas, que comprometem o seu crescimento espiritual.

O aspecto de submissão ao meu discipulador me fala não apenas de uma atitude de obedecer. Obediência é algo externo que até o ímpio faz o que já é feito pelo homem natural. As autoridades do mundo exigem e seus auxiliares obedecem. Num relacionamento de discipulado, eu posso até discorda, porém, interiormente, eu aceito; interiormente eu me submeto. Isso é algo que acontece no nível do espírito. Eu abro meu espírito para submeter-me, para aceitar, mesmo que choque com o que eu penso. Opto por me submeter e aceitar a opinião e direção do meu discipulador. O rei Saul não atendeu isso e Deus passou dele. Na ausência do profeta Samuel, a decisão mais prudente, mais correta, aparentemente, seria ele mesmo fazer sacrifício, pelo qual todo o povo esperava. Era o mais lógico. Mas Deus não estava preocupado com o fazer, e sim com o obedecer.

Toda autoridade é proveniente de Deus. Ele mesmo constitui autoridades e, nestes dias de restauração, Ele tem reconstituído a ordem das coisas na Sua casa. Por quê? Porque se Deus constitui uma cadeia de autoridade, Ele vai falar, vai operar por essa cadeia de autoridade.

Confira as outras partes dessa série.

3D Livro Discipulado Facil

 

Extraído do Livro “Discipulado Fácil” – Elvis Oliveira, Editora Premius, 2010.

Se você desejar saber mais sobre o assunto, clique na imagem e adquira nossos produtos